Política de Cookies: Usamos cookies próprios e de terceiros para mostrar publicidade relacionada às suas preferências de acordo com seus hábitos de navegação. Se você continuar navegando, consideraremos que você aceita seu uso. Você pode alterar as configurações ou obter mais informações aqui. 

Aceitar

Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.

TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

10 chaves que vão transformar o consumo a partir de já

Este ano, entramos num novo ciclo, altamente volátil, que afeta notavelmente o ambiente laboral, marcado pela internacionalização das pymes e uma explosiva transformação digital, que se soma à necessária reinvenção deste setor


30/03/2023

A transformação digital do Setor Consumo vai procurar em 2023 novos perfis de profissionais qualificadas e diretivos para dar resposta aos novos desafios da guerra da Ucrânia, a inflação e a dependência energética, segundo a multinacional espanhola de busca global de profissionais Catenon. A partir do seu conhecimento e experiência em mais de 100 países, Catenon identificou 10 chaves que marcaram a evolução do mercado laboral no setor do Consumo durante o ano que agora começa.

Segundo a companhia entramos num novo ciclo, altamente volátil, que afeta notavelmente a reputação social da marca, marcado pela internacionalização das pymes e uma explosiva transformação digital, que se somam à necessária reinvenção deste setor, para oferecer respostas rápidas e eficientes às necessidades de mudança dos consumidores.

As 10 chaves que vão marcar o mercado laboral no Setor do Consumo

1.- Digitalização. Vão ser necessários perfis altamente profissionais no ambiente tecnológico para a digitalização total das companhias de consumo, chave para o seu êxito. Os profissionais mais procurados serão os especialistas em dados e processos, que têm um papel fundamental na toma de decisões comerciais com o objetivo de facilitar a chegada de novos modelos comerciais.

2.- Proteção da saúde do empregado e do cliente. As companhias de consumo aumentaram a contratação de profissionais do âmbito da saúde, tanto para os seus ambientes laborais como para a criação e distribuição dos seus produtos e serviços. Qualquer erro que comprometa a saúde de empregados e utilizadores pode levar uma marca ao ostracismo social. Perfis como EHS Manager serão os mais procurados, e no nosso país contamos com grandes especialistas neste campo.

3.- Transformação do comércio. A nova normalidade pós-covid apoia-se em grandes mudanças na economia que estão a impulsionar a criação de cadeias globais de valor, baseadas numa alta produção em diferentes países e uma regionalização do comércio, especialmente do asiático. A digitalização cria novos modelos que permitem as pymes aceder a mercados internacionais. Além disso, a geopolítica passa a ser um elemento fundamental no comércio exterior. Um novo cenário onde os profissionais especialistas em exportação são uma peça chave.

4.- Produtos de proximidade. Os alimentos que se produzem a menos de 100 km do lugar de venda terão um grande valor para o consumidor, especialmente os da temporada. Uma tendência que apoia produtores locais e contribui para o cuidado do planeta, reduzindo as emissões de CO2 para a atmosfera no processo de transporte. Em paralelo, a qualidade percebe-se como um valor chave, e o consumidor procura alimentos que chegam desde a granja à sua casa. Esta tendência vai tornar-se imparável pela chegada ao mercado de consumo de forma independente das novas gerações. Aqui é interessante descobrir novas figuras como os Key Account Manager e especialistas em Marketing que apoiem este canal.

5.- Crescimento da marca branca. A inflação disparou em 2022 o crescimento de produtos de marca branca que permitem aos consumidores poupar no dia a dia. As marcas brancas crescem exponencialmente quanto mais sobem os preços e segundo a consultora Nielsen IQ geram, hoje em dia, quase 50% das vendas. Perante esta realidade as grandes cadeias de distribuição vão reforçar as suas equipas com especialistas em inovação, já que os consumidores são já assíduos a estes produtos porque a sua qualidade não têm nada que invejar as marcas do fabricante e isto produziu que se realizem maiores investimentos para poder competir.

6.- Cibersegurança. Garantir uma compra segura na Internet é um requisito fundamental para todo o tipo e tamanho de empresas. Especialmente quando o público crê que quase 50% das empresas espanholas de grande consumo sofreram em algum momento um ciberataque. Os profissionais de cibersegurança, com uma ampla trajetória e grandes conhecimentos da situação, são um perfil altamente desejado pelas empresas.

7.- Indústria 4.0. Os serviços de engenharia e de fabrico digital são na atualidade uma grande revolução. Importa o que se fabrica e como se fabrica. Neste âmbito, as empresas vão oferecer posições em inteligência digital para conectar os pontos do processo, especialistas em Cloud, em 5G, robótica e em meios digitais. Todos são fundamentais para aumentar os níveis de produtividade, a criação acelerada de novos produtos e poder oferecer novas experiências hiperpersonalizadas que chegam para ficar.

8.- Trade Marketing. Os génios deste segmento laboral são chave e o seu trabalho é valorizado de forma estratégica para as companhias. São criadores de um conjunto de ações que transformam o ponto de venda e sabe o que os seus consumidores querem. O seu papel é vital para transformar “o lugar onde se compra” num ambiente altamente atrativo e oferecer a melhor experiência de compra. Daí, que a figura do Customer Experience Manager torna-se imprescindível de cara com 2023.

9.- Inovação eco-sustentável. Um termo no todo preciso mas que implica duas variáveis claras. Por um lado, a busca por profissionais que desenvolvam produtos ligados a um uso consciente e sustentável dos recursos, minimizando o seu impacto na sociedade e o meio ambiente. Por outro, a geração de importantes talões económicos. Perfis de inovação, desenvolvimento e R&D são indispensáveis e a sua procura vai situar-se em alça no ambiente deste mercado chave para a economia.

10.- Reutilização das matérias primas em alimentação para a criação de novos produtos. Reciclar é perfeito, mas reutilizar é melhor. A economia circular marca a tendência no setor do consumo especialmente no ambiente do fabrico. Os recursos que temos são escassos e o seu desaproveitamento pode ser considerado como um empobrecimento do planeta. Neste âmbito vão ser precisos engenheiros capazes de incorporar em todas as fases dos projetos critérios sustentáveis, com o fim de desenvolver processos sob umas altas premissas meio-ambientais e de máxima proteção dos recursos.

“Estas tendencias chegaram para ficar. Por isso, necessitamos de verdadeiros especialistas. A digitalização não é uma opção, mas uma “obrigação”, explica Laura Urue.

Para Laura Urue, FMCG & Digital Director de Catenon, “estas tendencias chegaram para ficar. Por isso, necessitamos de verdadeiros especialistas. A digitalização não é uma opção, mas uma “obrigação”. Estamos perante uma revolução digital do mundo do talento no ambiente de consumo, o mais avançado de todos e chave para o desenvolvimento económico dos países. Mas também, devemos entender as características do novo profissional que procura flexibilidade e que trabalha muito a sua marca pessoal. Espanha conta com grandes profissionais de consumo que são procurados em todo o mundo. Os profissionais têm uma grande oportunidade, dentro e fora dos países de origem. As suas altas capacidades e poder de reinvenção são um valor muito reconhecido”.

 
Mais informação

  • Partilhe este artigo
  • Enviar a un amigo
  • Compartir en WhatsApp
Forte Pro 2020L - Secador ultraligeiro, potente, eficiente

 

Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.

Anúncios de empresa

Se tens uma profissão na área da estética, temos para ti o material de desinfecção e descartáveis que tanto precisas para cuidares bem das tuas clientes. Temos também, vestuário para esteticista ou cabeleireira e calçado adequado à tua profissão.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.