Política de Cookies: Usamos cookies próprios e de terceiros para mostrar publicidade relacionada às suas preferências de acordo com seus hábitos de navegação. Se você continuar navegando, consideraremos que você aceita seu uso. Você pode alterar as configurações ou obter mais informações aqui. 

Aceitar

Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
SALÓN LOOK - Salão Internacional da Imagen e da Estética Integral
SALÓN LOOK - Salão Internacional da Imagen e da Estética Integral
SALÓN LOOK - Salão Internacional da Imagen e da Estética Integral
BM Estética > Estética > Iberpixel

SOCIAL MEDIA

Como parar a queda em pico do orgânico no Instagram

Movidos e desconcertados pelas voltas e mudanças do algoritmo que maneja as interações no Instagram, a rede social da moda, já há algum tempo, fez cair em pico o alcance orgânico das suas contas. Porquê e o que podemos fazer?


11/09/2019

aplicación instagram en smartphone

As voltas com o teu Instagram que te traz pela rua da amargura? Subiste e caíste a pico? Somas seguidores com a mesma frequência que o algoritmo tos tira? Dói-te a cabeça de tanto pensar? Estás pronto a abandonar?

Sim, efetivamente, mais de um que tira a toalha, farto de ser incapaz de revelar os segredos da soma de seguidores na rede de moda, Instagram. Assim, são cada os analistas que indicam que o esforço vai ser colocado na própria web e não nesta ou outra rede social, governadas pelos caprichos equacionais que são os seus donos, ao fim ao cabo, e as empresas que querem rentabilizar os seus processos, o seu negócio, as suas redes... A panaceia do século XXI, assim foi anunciado, que porém, parece ter-se voltado contra nós.

O Instagram a partir de 2018 comas contínuas atualizações do algoritmo caiu nos resultados orgânicos.

Estamos certos que em mais de uma ocasião o Instagram dá-te dores de cabeça. Mas, o que fazer para parar a queda a pique e porque é que se produz na rede social que mais cresce neste momento?

Falamos com especialistas. É Iberpixel que nos informa acerca de como remediar a queda a pique do orgânico do Instagram, com algumas chaves a não esquecer e a utilizar sempre que entramos na rede e queremos publicar, ao mesmo tempo que analisa uma situação que se torna numa importante reflexão, que concentra os esforços na tua própria web.

Iberpixel conta-te porquê.

Imagem para parar a queda de seguidores no instagram

Comecemos pelo principio

Em 2019 aumentou o número de utilizadores do Instagram, tambem em atividade, a frequência de visitas e o investimento publicitário. Muitas marcas profissionais apostam por esta rede social. O seu conteúdo visual e a possibilidade de criar uma comunidade muito ativa convertem-na na favorita. Porém, a partir de 2018 com as contínuas atualizações do algoritmo caiu nos resultados orgânicos.

Hoje, Instagram disfruta de 1 bilhão a mais de utilizadores mensais ativos e 500 mil mais nas stories. Mas atenção! As fotos apenas alcançam uns 7% dos seguidores. "É lógico pensar que com o êxito, o Instagram adotou um funcionamento semelhante ao do Facebook (as marcas viram-se obrigadas a investir no Facebook Ads para conseguir resultados). Ambas pertencem a Mark Zuckerberg e o objetivo de toda empresa é conseguir benefícios", diz Lizette Ramirez, Social Media Manager.

Menina fazendo um vídeo espontâneo para instagram

Recomendações para parar a queda

Dito assim, passemos a ver o que nos recomenda Iberpixel para parar a queda.

VIDEOS ESPONTÂNEOS.
Aposta pelo vídeo e as publicações no canal IGTV, Instagram prioriza o conteúdo pessoal contra o marketing de marcas.

Cria publicações naturais e emocionais.
O conteúdo das marcas focado em entreter, educar, ajudar, tem maior interação. Imagens que inspiram um sentimento, uma emoção… Porque os utilizadores estão ali para fugir dos meios convencionais e dos conteúdos que estes publicam. Existe nestas redes uma certa rejeição generalizada à publicidade tradicional.

Aposta por conteúdos de qualidade, originalidade e criatividade. Não faças o mesmo que os outros.

MAIS CRIATIVIDADE.
Aposta por conteúdos de qualidade, originalidade e criatividade. Não faças o mesmo que os outros.

PRIME TIME.
Se consultas as estatísticas da tua audiência poderás avaliar num gráfico de barras o número de utilizadores ativos por dias da semana e hora. Publica na melhor hora, o melhor dia e analisa a interação. Combinar os conteúdos do feed com as stories é outro muito bom conselho e atuação. Porque têm um melhor engagement as publicações de conteúdo imediato por cima do feed.

EDIÇÃO.
O Instagram penaliza a edição das fotos antes das primeiras 24 horas ao teu último post.

ADS.
Com um custo médio por clique de 0,80€, desde do início de 2018 que o poder das imagens no Instagram o converteram numa ferramenta importante de promoção de conteúdos.

Algoritmos de imagem do instagram

O algoritmo que nunca seremos capazes de revelar

Ainda que o algoritmo que rege o Instagram, como também Facebook e Twitter, nunca será revelado nem seremos capazes de decifrar a 100%, se é verdade que algumas coisas sabemos e devemos observar.

Interação rápida. Se nos primeiros 60 minutos existe alguma interação: a publicação tem comentários ou likes o alcance será maior.

Comentários extensos. Instagram apenas reconhece como atividade os comentários com mais de 4 palavras.

A próxima mudança do Instagram avisada a 17 de julho de 2019 desde o Twitter é que vão-se ocultar os likes das publicações.

Instagram sem Likes. A próxima mudança do Instagram avisada a 17 de julho de 2019 desde o Twitter é que vão-se ocultar os likes das publicações. Não se vai poder ver o número dos gostos ou corações dos outros, apenas ele próprio. Com esta mudança o Instagram pretende, segundo o próprio comunicado, melhorar a experiência do utilizador para o centrar nas publicações. Isto gerou muita polémica. “Alguns falam do prejuízo que trará para os negócios o não se ver as interações e pedem à famosa rede que faça marcha atrás. Outros, porém, consideram que isto vai gerar um melhor conteúdo, já que não estaremos focados em estratégias unicamente táticas. Nós estamos muito a favor que se premie a qualidade, por cima da quantidade. As medições mais certeiras têm em conta os comentários e o número de vezes que o conteúdo foi partilhado e guardado”, explica Lizette Ramirez.

A realidade é que as interações orgânicas caíram e isto é irreversível. “Talvez teríamos que perguntar até que ponto apostamos no orgânico por uma rede social de moda é uma estratégia acertada. Primeiro que tudo há que ter claro que são algoritmos em contínua evolução do qual nunca vamos ter o controlo absoluto, por isso é melhor assegurar e focar os investimentos no nosso site”.

 
Mais informação

  • Partilhe este artigo
  • Compartir en WhatsApp
SALÓN LOOK - Salão Internacional da Imagen e da Estética Integral

 

Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
Grátis! Agora! Toda a atualidade no teu correio eletrónico de 15 em 15 dias. Subscreve.
SALÓN LOOK - Salão Internacional da Imagen e da Estética Integral